More articles

5 Dicas para otimizar seu processo de Picking

Fazer com que sua “última milha” da entrega (last mile delivery) seja lucrativa requer um conjunto de processos de automação e práticas que melhorarão a realização do seu pedido e também aumentarão seus resultados.

Os últimos dois anos serviram para impulsionar os varejistas em todo o mundo e, embora a implementação ou adoção de soluções rápidas possa ter ajudado na adaptação ao caos vivido, a aquisição de soluções de longo prazo e mais concretas é agora, a meta mais importante dos varejistas.

Aqui estão nossas recomendações para otimizar seu processo de picking para tornar sua última milha lucrativa!

Você não está sozinho!

Provavelmente, você está lutando com a ideia (ou prova!) de que seu processo de entrega não é eficiente o suficiente. Bem, você não está sozinho. Vários varejistas/ supermercadistas passaram a fazer entregas “quick-commerce” simplesmente porque seus concorrentes também o fizeram. De fato, mais de 10 empresas, metade das quais foram criadas em 2020, atualmente competem em toda a Europa com este modelo de entrega. Nos EUA, esse número parece aumentar a cada dia.

Para muitos varejistas, o resultado do quick-commerce tem sido caótico. Um estudo mostrou que 86% dos varejistas sofreram quedas na satisfação do cliente ano após ano, sendo um dos principais motivos o atraso nas entregas por meio de suas plataformas online.

Ao navegar por esse novo cenário de e-commerce e expectativas do consumidor, você deve saber que a maioria dos players do mercado também está tentando entender.

A era da lealdade chegou ao fim

Em um momento em que os consumidores têm muitas opções para escolher, a lealdade não é garantida – deve ser conquistada. De acordo com um estudo, 69% dos clientes são menos propensos a comprar com um varejista novamente se seus pedidos não forem entregues no prazo. 

Primeiramente, por que as entregas atrasadas acontecem? Bem, existem várias razões que podem contribuir para esse resultado final. Partindo do básico, se um varejista não tiver como mensurar os tempos de picking, as entregas simplesmente não acontecerão dentro do prazo estipulado. 

Tecnologia e recursos estão entre as principais razões pelas quais alguns varejistas se adaptaram rapidamente, enquanto outros tiveram dificuldades. Quando aconteceu a COVID-19, os supermercados foram forçados a fechar e as ‘Amazon’s’ do mundo tomaram medidas imediatas devido à sua infraestrutura, grandes caixas e outras atividades relacionadas à tecnologia. Por outro lado, as empresas que eram menos experientes em tecnologia na época lutaram para se ajustar. E havia processos significativos a serem alterados, especialmente com a rápida chegada das dark stores. 

Alguns desses processos incluem: 

  • Montagem da equipe de picking
  • Montagem da frota de entrega
  • Alertas de pedidos
  • Atribuição de pedidos
  • Registro de estoque

E assim por diante…

Com uma implementação tão repentina de novos processos e/ou tecnologias, muitos contratempos ocorreram. Não faltaram histórias de pickers correndo feito baratas tontas tentando acompanhar os tempos de picking (e entrega). No entanto, os empresários experientes sabem que, sem processos sólidos, esses desafios permanecerão.

Uma solução “tapa buraco” não será suficiente

Os donos de empresas estão se tornando mais conscientes do perigo de uma operação de picking “simples”. Caneta e papel estão desaparecendo lentamente do local de trabalho. Empresas como H-E-B e Walmart estão implementando soluções que conduzem sua força de trabalho para entregas pontuais.

Os recursos de coleta múltipla (multi-picking), em particular, provaram ser vitais para uma operação de picking eficaz. De acordo com a Convey, 98,1% dos compradores online dizem que a entrega afeta a fidelidade à marca.

Conclusão: se você não tiver dados sobre sua equipe de separação ou entregas, provavelmente está preparando sua empresa para o fracasso.

5 Dicas para otimizar seu processo de picking

1. Obtenha Atribuição Automática de Encomendas

A atribuição de encomendas ao melhor picker diminui a duração do processo de recolha e embalagem. Também proporciona responsabilidade por cada encomenda, permitindo eficiência.

2. Instale leitura de código de barras

A leitura de código de barras automatiza completamente o processo de entrada de dados e reduz significativamente os riscos associados a erros manuais. Em outras palavras, a precisão será bem mais assertiva, pois o sistema informará exatamente quando um produto não pedido foi retirado. Consequentemente, sua métrica de “On-Time In-Full” melhorará.

3. Implemente rotas de Picking 

As Rotas de Picking evitam que seus pickers desperdicem tempo, já que eles não precisam memorizar onde um determinado produto está na loja. Em vez disso, o aplicativo informa qual produto escolher, como chegar lá, o que vem a seguir (com base na proximidade) e assim por diante. Resumindo: pare de pensar, comece a embalar.

Ao implementar rotas de picking, alguns parâmetros devem ser levados em consideração:

  • Zonas
  • Corredores e altura do produto na gôndola
  • O código de classificação que é usado para indicar a melhor rota pelo inventário

Também pode levar produtos de outros pedidos para que os catadores possam passar pela loja uma vez e atender vários pedidos, no entanto, isso depende da sofisticação do software em que você deseja colocar as mãos.

4. Considere a zona de Picking

A tarefa única torna as operações mais eficazes, e é por isso que ter pickers dedicados por zona pode diminuir significativamente o tempo de separação. Ao usar a zona de picking, você:

  • Diminui o congestionamento da loja com trabalhadores operando em zonas específicas
  • Ajuda no distanciamento social
  • Minimiza o tempo que um pedido permanece na loja/depósito/dark stores

5. Não confie apenas no processo manual! Conte com a tecnologia para assegurar a qualidade

Ter uma plataforma que orquestra toda a operação de atendimento e entrega evita possíveis atrasos, cancelamentos de pedidos, processos ineficientes de separação, embalagem e entregas atrasada

Um dashboard de operações permite que os varejistas compreendam, priorizem e resolvam problemas críticos em tempo real.

Escolher o método de picking correto – ou uma combinação de métodos de picking – mais a implantação da tecnologia de automação de lojas é a estratégia perfeita para garantir um processo de picking e embalagem sem falhas. 

Procurando uma solução robusta de ponta a ponta para suas operações de picking, logística e entrega? Adoraríamos ajudar! Marque uma demo hoje e saiba mais

Like this article?

Share on Facebook
Share on Twitter
Share on Linkedin
Share on Pinterest

Leave a comment